SSPDS/CE e Supesp recebem comitiva do Pará para conhecer ações no combate aos crimes no CE

17 de agosto de 2021 - 05:11 # # # # #

O resultado positivo do trabalho de inteligência realizado pelas Forças de Segurança do Ceará tem chamado a atenção de outros estados. Com o intuito de apresentar a estrutura da Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops) e as ações voltadas para o combate à criminalidade, os gestores da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social do Estado do Ceará (SSPDS/CE) e da Superintendência de Pesquisa e Estratégia de Segurança Pública (Supesp) reuniram-se com representantes da Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social (Segup) do Pará. O encontro ocorreu na manhã desta segunda-feira (16), na sede da SSPDS, em Fortaleza (CE).

Durante a reunião, o secretário da SSPDS-CE, Sandro Caron, e o secretário executivo, Samuel Elânio de Oliveira, apresentaram as medidas colocadas em prática pelas Forças de Segurança e que têm impactado positivamente na redução dos Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI) no Estado.

“Hoje, recebemos os integrantes da Polícia Militar, da Polícia Civil e dos Bombeiros do Pará, que estão aqui para conhecer algumas boas práticas que estão sendo adotadas no nosso estado para a diminuição da violência. Eles terão contato com as ferramentas tecnológicas, o trabalho da estatística e acompanharão atividades operacionais, como por exemplo, aquelas desenvolvidas pelo Comando de Policiamento de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (CPRaio) da Polícia Militar do Ceará (PMCE)”, destacou o secretário da SSPDS/CE, Sandro Caron.

Além do secretário adjunto de Operações da Segup, coronel Alexandre Mascarenhas, participaram também representantes das Polícias Civil e Militar, do Corpo de Bombeiros, e também gestores de tecnologia da Segup. O coronel Alexandre Mascarenhas enalteceu o trabalho realizado no Estado do Ceará e falou sobre a importância da troca de experiência e informações para o aprimoramento do trabalho policial no Pará.

“Estamos muito felizes de estarmos aqui, tendo a oportunidade de beber do conhecimento da fonte, pois estamos sempre atentos às ações exitosas que o Ceará vem conquistando no que concerne ao combate à criminalidade e ao enfrentamento das demandas de segurança pública. Viemos conhecer de perto como e onde o Ceará tem concentrado os seus esforços. Todas as experiências tecnológicas e o trabalho integrado entre as Polícias nos trouxeram até aqui. Nosso objetivo é levar todo o conhecimento para o nosso estado para aplicarmos e, assim, termos êxito também em nossas ações”, frisou ele.

Tecnologias aplicadas

Dando continuidade às apresentações, o superintendente da Supesp, Dr Helano Matos, apresentou as principais ações e ferramentas tecnológicas que vêm sendo desenvolvidas e utilizadas como aliadas das Forças de Segurança no combate aos crimes no Ceará. Em sua fala, Helano Matos destacou a importância do uso de tecnologia para garantir a maior eficácia nas operações, na redução dos índices de criminalidade e na formulação de políticas públicas e tomada de decisões estratégicas pela secretaria e forças de segurança. Também participou da apresentação dos sistemas e tecnologias o gerente de estatística e georreferenciamento da Supesp Frankklin Torres.

“Reunimos sempre os comandos e gestores das instituições para demonstrar essas ferramentas e estratégias, como as Áreas Integradas de Segurança (AISs), o georreferenciamento de dados, as manchas criminais a partir do uso de big data, a inteligência artificial, as estatísticas e outras tecnologias”, finalizou ele.